Coelho Dizeres Computador
[X] Fechar

Já conhece a NewsLetter do CoelhoDePrograma? Clique aqui e assine!

Só demora 30 segundos para se cadastrar e você recebe nossas notícias por email!

Seu nome:

Seu email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

O kit de primeiros socorros do corredor
Compartilhe no WhatsApp Enviar por email Compartilhe no Twitter

segunda-feira, 9 de abril de 2018 - 13:35
foam rollerFala, galera!

Quando se fala em equipamentos para corrida, todo mundo imediatamente pensa em quê? Tênis, lógico. Cronômetro, seja aquele Timex old-school ou o GPS do último modelo. Roupas de corrida, talvez?

Entretanto, há uma classe de utilitários de corrida de que os corredores frequentemente se esquecem (inclusive eu) e que podem ser de extrema utilidade.

Provavelmente porque eles não atuam diretamente durante a corrida, mas podem auxiliar demais na nossa recuperação para o próximo treino, especialmente depois daquele longão puxado ou do tiro do qual você saiu com a perna parecendo gelatina... mrgreen

Acontece que esses equipamentos podem ser extremamente caros. Então, qual é a solução para o corredor que quer usar um equipamento desses e não tem condições?

O artigo que traduzi hoje, do excelente site Competitor.com, tem algumas dicas legais de equipamentos, para que servem, os preços e possíveis substitutos.

Só uma observação: não dá pra confiar muito nos preços "traduzidos", porque aqui no Brasil nós achamos (eu incluído, mea-culpa) o máximo pagar 900 reais num tênis de última geração, que o fabricante jura que só falta correr sozinho e bater seu recorde pessoal enquanto você toma aquela cerva gelada.

Esse é o motivo de um foam roller aqui no Brasil custar 224 reais e você encontrá-lo na Amazon por 10 dólares, ou seja, aproximadamente 35 reais... :-(

Por isso, a "tradução" dos preços é só pra vocês terem uma noção.

Dito isso, bora dar aquela lidinha básica?
Você está no km 5 da sua corrida matinal e se sentindo muito bem. Você chega ao topo daquela subida enorme e sente a aceleração da descida quando vem aquela dor aguda no seu músculo da panturrilha? Por que seus arcos parecem estar sendo esfaqueados antes de cada corrida? E por que aquela dor lancinante em suas coxas desde a última terça-feira ainda está tão proeminente?

Como em todos os esportes, a corrida nem sempre é isenta de dor ou sem lesões. Felizmente, pode-se investir em alguns equipamentos para suavizar as dobras - o tipo de itens que, sejamos honestos, parecem um pouco com dispositivos de tortura para os não iniciados. Ou, você pode procurar no armário da sua garagem ou cozinha por algumas ferramentas improvisadas para recuperá-lo. O dono da loja de sapatos Eric Sach, o fisioterapeuta e acupunturista Russell Stram e os atletas profissionais da Brooks Running indicam itens que você pode encontrar em casa para ajudar na recuperação e evitar lesões. Aqui estão alguns que eles concordam que devem estar no kit de ferramentas de todos os corredores:

Rolo De Espuma / Vara

Substituições: garrafa de água, garrafa de vinho, rolo de macarrão

Alvos: coxas, panturrilhas

Ajuda: casos leves de tensão no adutor, espasmos da panturrilha, tendinite no tendão de Aquiles

Você não tem um rolo de espuma? Não tem problema. Eric Sach, proprietário do The Balanced Athlete em Renton, Washington, sugere usar uma garrafa de vinho como substituta. "Adicione água morna, aperte a rolha ou a cortiça e você terá um mini rolo de espuma. O calor ajuda a penetrar mais profundamente nos músculos do que um rolo de espuma tradicional", diz Sach. Só se lembre de terminar o vinho antes de usar a garrafa!

Outra ferramenta popular entre os corredores é A Vara, que pode custar entre 8US $ 25 e US $ 40 [N.T: 85 e 135 reais]. "Costumo recomendar que as pessoas usem apenas um rolo. Um rolo é ideal para usar em uma área sensível, como o músculo interno da coxa e panturrilhas internas", diz Russell Stram, fisioterapeuta da Runner Clinic NYC.

Bola de Massagem

massage stickSubstituições: garrafa de água, softball, bola de tênis ou bola de lacrosse

Alvos: arcos do pé, coxa externa, glúteos

Ajuda: fascite plantar, tendinite tibial posterior, síndrome da Banda Ílio-Tibial

"Uma ferramenta caseira que eu uso é apenas uma garrafa de água de plástico normal cheia de água", diz o corredor profissional Baylee Mires. Mires coloca uma garrafa de água no freezer e, em seguida, tira-a para rolar sob o pé para o alívio do arco.

Para uma massagem mais profunda, tente usar uma bola de borracha. É possível comprar bolas de massagem de marca por US $ 15 ou US $ 20 [N.T: entre 50 e 70 reais], mas qualquer bola esportiva serve. "A parte externa das coxas é bastante resistente e pode exigir muito mais pressão. Encontre o ponto mais apertado na lateral da coxa e role a bola de um lado para o outro em vez de subir e descer. Este é um bom tratamento para a síndrome da banda iliotibial", diz Stram.

Hannah Fields usa a bola de lacrosse para alongar seus quadris e glúteos. "É ótimo para alongar depois de um longo dia de viagem, onde tive que ficar sentada por longos períodos de tempo. A bola lacrosse também pode atingir áreas agudas nos ombros e nas costas", diz ela.

Usar a bola para uma massagem profunda na sola do pé enquanto permanece de pé também tem suas vantagens. "Isso é útil para alongar o tecido fascial no arco e potencialmente limitar a fascite plantar. Quando feito no lado interno do arco, também pode ajudar a aliviar alguns sintomas da tendinite tibial posterior", diz Stram.

Alça de estiramento, Elásticos de resistência

Substituições: toalha, cinto

Alvos: arcos do pé, panturrilhas, isquiotibiais

Ajuda: fascite plantar, músculos sóleo doloridos

Os corredores são frequentemente negligentes quando se trata de alongamento. Tirar somente cinco minutos do seu dia, no entanto, tem seus benefícios e pode até mesmo proteger contra lesões. Elásticos de alongamento e resistência custam cerca de US $ 7 a US $ 15 [N.T: 25 a 50 reais], mas os corredores podem substitui-las por uma toalha ou cinto.

De acordo com Sach, usar esses itens ajudará a alongar os músculos sóleo de suas panturrilhas. Ele aconselha fazer esse alongamento duas vezes ao dia: comece sentado no chão com as pernas na sua frente. De sapatos, coloque a toalha ou cinta perto da ponta do pé e puxe por dois segundos. Faça isso 20 vezes em cada pé.

Copos de vácuo

Substituição: desentupidor da pia da cozinha

Alvos: joelhos, coxas

Ajuda: condromalácia patelar, síndrome da banda ílio-tibial

Além da acupuntura, Stram também oferece terapia com ventosas na Runner Clinic. Embora você possa tentar fazer por conta própria e comprar um conjunto de silicone que custa cerca de US$ 20 [N.T: 70 reais], Stram diz que um desentupidor de pia de cozinha comum fará o truque. "Quando usado para puxar delicadamente a rótula, pode ser um tratamento útil para condromalácia da patela (joelho de corredor)", explica Stram. Quando usado na lateral da coxa, um pistão também pode ajudar a aliviar a tensão da banda iliotibial.
Espero que tenham gostado da matéria. Abraços e beijos a todos e até a próxima! mrgreen

Fonte: Competitor.com (adaptado por Coelho de Programa)

Leia mais sobre: recuperação, corrida, foam roller

Assine a NewsLetter do CoelhoDePrograma e não perca mais nenhum artigo!

Gostou da matéria? Comente logo abaixo! mrgreen

Copyright - Marcelo Coelho