Coelho Dizeres Computador
[X] Fechar

Já conhece a NewsLetter do CoelhoDePrograma? Clique aqui e assine!

Só demora 30 segundos para se cadastrar e você recebe nossas notícias por email!

Seu nome:

Seu email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Análise da minha Corrida de Reis
Enviar por email Compartilhe no Twitter

terça-feira, 29 de janeiro de 2013 - 08:34
Rápido como um raio! :-)Fiquei bem satisfeito com o meu resultado na Corrida de Raios e Trovões. Comparando essa prova com a do Circuito da Chuva, ops, do Sol, dá pra ver algumas coisas interessantes: Mesmo com uma variação de elevação bem maior (111 contra 92) e com um percurso maior (6,10 contra 5,33), consegui uma velocidade média pouca coisa maior (9,2 contra 9,1). O melhor de tudo foi que o batimento médio só aumentou 2 pontos (170 contra 168)

A velocidade máxima da de Raios foi menor. Claro, não deu pra dar aquele sprint final igual ao Circuito da Chuva, porque acabava em subida e coração eu só tenho um e pulmão, só dois! :-) Aliás, outro motivo pra me deixar satisfeito: Não parei de correr nem no último KM, que foi todo em subida!

Comparação entre as duas corridas

Clique na imagem pra ver a comparação entre as duas corridas!

Li uma coisa no Face (é, lá também tem coisa boa!) que se aplica tanto aos treinos quanto à vida em geral, embora tenha sido postado por um perfil de corrida:

É nos treinos, e não no dia da corrida, que a gente ganha a medalha. No dia da corrida, a gente só vai buscar.

Quando comparei os resultados, caiu e fica de por que se deve dar valor aos treinos, que às vezes parecem chatos (pra mim, são sempre uma viagem ao interior de mim mesmo, praticamente uma laparoscopia, heheheheh), mas que são fundamentais. E também fica clara a importância de fazê-los sob a supervisão de quem tem comprovada competência pra mninistrá-los, tendo estudado pra isso e sabendo o que está fazendo. Valeu, pessoal da Next!

Fiquei em 1204 no geral masculino 6k e em 128 no geral veinhos 6k! :-) Minha meta pro ano que vem é chegar entre os 1.000, mas só que nos 10k! Por falar nisso, a organização da prova tava até legal, mas o resultado foi mal feito, porque o tempo líquido estava igual ao do bruto.

Como sou mais lento, fiquei mais pra trás na largada, demorando 5 min entre a hora do sinal de largada e a hora em que pisei na tábua. Pois bem, no site, o pessoal da Cronotag colocou o meu tempo como 44 e alguma coisa, quando na verdade foi 39 e alguma coisa. Vamos acertar isso aí, galera!

Como diria meu primo Pernalonga, That´s all, folks! :-)

Fonte: Coelho de Programa

Leia mais sobre: corrida, Corrida de Reis, Circuito do Sol, Garmin

Assine a NewsLetter do CoelhoDePrograma e não perca mais nenhum artigo!

Gostou da matéria? Comente logo abaixo! mrgreen

Copyright - Marcelo Coelho